Pelo menos 140 voos cancelados em Bruxelas devido à greve na Aviapartner

Pelo menos 140 voos dos 620 programados para esta terça-feira, no aeroporto de Bruxelas-Zaventem, foram cancelados, no sexto dia da greve de trabalhadores da empresa Aviapartner que, entre outras tarefas, são responsáveis pelas bagagens.

Mas a agência local “Belga” revelou que o número de cancelamentos pode aumentar durante o dia de hoje.

No seu site, o aeroporto divulgou que a paralisação prossegue e que a Avipartner não garantirá quaisquer voos durante o dia de hoje.

A Aviapartner trabalha no principal aeroporto da Bélgica, com companhias aéreas como a Air Europa, a British Airways, a Easyjet, a Iberia, a KLM, a Vueling ou a Ryanair.

O aeroporto pediu aos passageiros que entrassem em contacto com as companhias aéreas antes de irem para o aeroporto e disseram àqueles que na quinta e sexta-feira tiveram que deixar as suas malas – cerca de 1500 – naquelas instalações que não voltem hoje para as buscar pois será impossível devido à greve.

A greve, que começou de forma espontânea na quinta-feira passada no aeroporto de Bruxelas-Zaventem, já causou centenas de cancelamentos em uma das semanas mais movimentadas do aeródromo devido às férias escolares no outono

Os sindicatos e a administração da Aviapartner abandonaram a mesa de negociações sem acordo na noite de segunda-feira, depois de longas conversas que continuarão hoje, a partir das 11.00 locais.

Fonte: JN

Related posts