Paraguai passa a exigir certificado de vacina de febre amarela para viajantes que partem do Brasil

Ministério da Saúde Pública do Paraguai passou a exigir o Certificado Internacional de Vacinação contra Febre Amarela de todos os passageiros com mais de um ano de idade e que estejam viajando entre o Brasil e Paraguai (origem ou destino).

O certificado deve ser apresentado no aeroporto de origem comprovando que o passageiro tenha tomado a dose da vacina com, pelo menos, dez dias de antecedência da data da viagem ao Paraguai. Se isso não acontecer, o cliente não poderá embarcar.

O Paraguai se junta a África do Sul, Austrália, Bolívia, Colômbia, Tailândia e outros destinos populares entre os brasileiros que exigem o certificado.

Fonte: Passageiro de Primeira

Related posts