Photo Credit To Divulgação

Maldivas reabre instalações turísticas em hotéis a partir de 15 de julho

O governo das Maldivas que reabrirá suas instalações turísticas, hotéis e praias para o turismo a partir do próximo dia 15 de julho. O país, que fechou suas fronteiras em 27 de março, registrou 2.217 casos confirmados de coronavírus até agora, 391 ainda ativos e oito mortes, o que o levou a ser classificado como destino seguro por diversos países.

O presidente das Maldivas, Ibrahim Mohamed Solih, informou em entrevista coletiva a decisão de reativar a economia do arquipélago, que depende diretamente do turismo, e viu como, nos últimos três meses, a chegada de visitantes foi reduzida a zero , assumindo um golpe sem precedentes.

“Ao abrirmos as fronteiras, nosso objetivo será recuperar o mais rápido possível”, disse o presidente, que explicou que, embora os complexos hoteleiros em ilhas desabitadas retornem aos negócios em 15 de julho , a abertura de pousadas e hotéis em ilhas habitadas serão adiadas para 1º de agosto.

O retorno à atividade, entre outros, dos três aeroportos internacionais do arquipélago, faz parte da segunda fase de desescalonamento do confinamento no país, que também implicará a abertura de escritórios públicos, escolas e restaurantes.

Leia mais em m&e

Related posts